Dia mau e a benesse do sol nascente

Antes de começar a discorrer sobre como busco superar esses dias, tenho que ponderar a seguinte situação:

Se os dias maus prevalecem para você, sendo mais frequentes do que dias bons, em razão de algum trauma, doenças, problemas familiares, ou ainda que sem motivo, encorajo a procurar ajuda profissional, como a de um terapeuta, psiquiatra ou até um pastor. Nós vivemos com tanta pressão, ansiedade e incertezas, que é cada vez mais comum precisarmos de apoio. Não é vergonha para ninguém e quanto antes procurar ajuda, mais rápido sairá desse ciclo.

No entanto, se após um exame de consciência você constatou que eles não são maioria, mas que o incomodam mesmo assim, quero mostrar como passo por eles:

Basicamente, adoto três ações:

1.                       Não adianta, haverá dias maus, então aceite a existência deles, (há estudos que constatam que esses dias podem ocorrer até mesmo por desajustes hormonais, biológicos, alheios aos acontecimentos da sua vida). O próprio Jesus disse: “Aqui no mundo vocês terão aflições, mas animem-se, pois eu venci o mundo”. João 16:33.

2.                       Identifique-os, não adianta ficar andando nervoso, aflito, aumentando os danos de um dia mau (ex. bateu o carro de manhã, tem que ter atenção para não espalhar esse dano as suas relações sociais do dia). Pense, hum... hoje é um dia mal, vou ter que ir com calma...

3.                       Por fim, pense no amanhã, se hoje é um dia mau, amanhã é um novo dia e terei a oportunidade de viver melhor! Chamo isso de a benesse do sol nascente (eu, particularmente, depois de um dia mau, não vejo a hora de deitar da minha cama e dormir! O sono é um dos melhores aliados).


Além desses três passos, o cristão pode/deve adotar os conselhos práticos do apostolo Paulo, revestindo da armadura de Deus para esses dias, que é vigiar para ficar firme na verdade, agir com justiça, meditar no evangelho da paz, ter fé na melhora do amanhã, pensando na salvação e meditando na Palavra de Deus. Efésios 6:13-18.

Recado dado, se estiver vivendo o dia mau, aguente firme, amanhã vai melhorar!

Ps. Depois que me tornei pai, o sorriso e o abraço do meu filho também são ótimos remédios para o dia mau.

L. Gonçalves


Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Venezuelanos

A estrada um tanto quanto lenta da santificação

Comissionamento